Blog

O Temperamento do Dogue de Bordeaux

Dogue de Bordeaux - Guardião Calmo


Um antigo cão de combate, o Dogue de Bordeaux é premiado com o dom nato da guarda, função que desempenha com extrema vigilância e grande coragem, porém sem agressividade. É um cão de guarda, defesa e dissuasão.

Excelente companhia,  muito apegado ao dono e muito afetuoso também. Calmo, equilibrado e com um alto limiar de excitabilidade, devoção ao dono é uma de suas maiores qualidades. Também é muito gentil e afetuoso com todas as pessoas da casa, especialmente com as crianças..


Estranhos e Família


Permite a presença de estranhos acompanhados pelo dono ou pessoas da casa, desde que haja uma relação de amizade entre seus conhecidos e o estranho, pois sua sensibilidade diz que deve acolher e respeitar a quem seu dono quer bem. Possui instinto nato de proteção da sua família e é extremamente protetor com as crianças. Ele é calmo e não é fácil aborrecê-lo. Seu limiar de reação é alto o que quer dizer que não se torna agressivo facilmente ou sem um bom motivo.

Essa atitude de extrema paciência sem deixar de estar atento a sua função de defesa é uma característica intrínseca da raça.  No entanto sua serenidade natural dá lugar à uma reação forte se sentir que ele ou seus entes queridos estão em perigo ou sendo ameaçados . Sua tendência é de latir somente se houver um bom motivo. Sua guarda é silenciosa e ele só usará de força quando realmente necessário.

São muito amorosos e literalmente “roncam” de satisfação quando são afagados por nós.

O Dogue de Bordeaux é sociável com pessoas e se comporta brilhantemente enquanto é tratado com respeito.

Desde filhote lhe deverá ser permitido bastante contacto com outros cães, crianças e dia a dia nas ruas da cidade. Deve ser acostumado ao maior número possível de situações corriqueiras. Se parecer que ele se anima a brigar com outro cão,  deve-se agir imediatamente com firmeza para que ele entenda que briga é uma atitude estritamente proibida. Como cão inteligente e de bom caráter que é, ele aprende rápido as leis da boa convivência em sociedade.

Em Matilha


As fêmeas são bastante sociáveis com outros cães desde que convivam juntas desde filhote ou desde que o(s) novato(s) chegue(m) ainda filhote(s) na casa. Adoram “cuidar” –se lamber- uns aos outros e empreendem brincadeiras animadas entre eles, onde se movimentam de uma maneira bastante felina, parecendo-se com um bando de leões.

Os machos possuem um caráter dominante sobre outros cães machos, não sendo aconselhável manter juntos na mesma casa dois machos de mesma força.



Devoção ao Dono


É  dono de uma imensurável devoção ao dono e gosta de estar sempre por perto. Usufruindo dessa característica, podemos obter Dogues muito obedientes.  É um erro pensar que podemos deixá-lo preso num canil pois ele é instintivamente um companheiro e certamente ficará tristonho e mau humorado sem a companhia humana por longos períodos de tempo. Ele detesta e sofre muito com a solidão.

Apesar do seu peso e de  sua   “carrancuda”  aparência ,  ele é  um cão de maneiras bastante delicadas e gentis. Ele é consciente do seu tamanho e,  quando é bem educado, se comporta como um verdadeiro “gentleman”.

Dentro desse colosso de cara amarrada , esconde-se um coração de ouro! E isso, junto com sua expressão meiga e doce com que contempla a quem estima, fazem dele um cão irresistível...


 
SOLL VERMELHO –  Qualidade em Dogue de Bordeaux

Entre em contato

Mensagem enviada com sucesso!

A mensagem não pôde ser enviada, tente novamente.